4 de May de 2016 |
Por

TCHAU BAREMINERALS! |O QUE MAIS ESTAMOS PERDENDO?

tachu bareminerals

Semana passada fiquei sabendo que bareMinerals está saindo do Brasil (nãaaaaaooooo! mas sim, é verdade!), fiquei bem triste, não só por não ter mais como comprar os produtos no país, mas por pensar que talvez essa seja a primeira de muitas que vão abandonar o barco. Há anos o Brasil está entre os primeiros no ranking do mercado mundial de beleza, mas mesmo com esse potencial super reconhecido, demorou para marcas internacionais desembarcarem por aqui. Uma das primeiras a vir oficialmente foi a MAC em 2002, e anos depois, em 2011, veio a Sephora com um avalanche de marcas que até então eram inacessíveis para nós.

Apesar de muita gente achar que maquiagem, produtos para pele, cabelos e afins são pura futilidade, a indústria da beleza no Brasil, é uma das maiores do país. Em 2014, o mercado de beleza movimentou R$42 bilhões, dinheirinho essencial para movimentar a economia, não acham?! Para terem uma ideia é 1% do PIB do país, ou seja, a indústria de beleza sozinha representa 1% da soma de todos os bens e serviços produzidos no país inteiro, é muita coisa!

E o curioso é que, além de ser uma indústria super representativa, ela costumava ser à prova de turbulências econômicas,  mas a crise está tão feia que no final de 2105 houve a primeira queda de vendas no setor em mais de vinte anos! Vou repetir, a indústria de beleza que é conhecida por não se abalar com instabilidades econômicas, fechou 2015 no negativo, com queda de 6% no faturamento, quase o dobro da última baixa de vendas, que ocorreu em 1992. Não foi nem nesse século!

crise

Falando em crise, a Juju fez um post legal com dicas de como sobreviver a ela!

Há alguns meses que não tem um dia que entro no meu e-mail que não tem dois, três newletters de lojas de beleza com promoções astronômicas! Sério, todo santo dia é um bombardeio de  “Descontos de 60%”, “Ganhe um super brinde”, “Descontos que você nunca viu antes!”, “Por essa você não vai resistir”, “Sale”, “10%, 20%, 30%, 40% off“… Isso é uma prova das estatísticas que acabei de mostrar!

Voltando a questão da bareMinerals, no comunicado oficial de saída do país emitido pela Shisheido (empresa japonesa que controla as operações da bareMinerals no Brasil), a marca está saindo do país porém continuará com a distribuição dos produtos em todos os Duty Free dos aeroportos brasileiros. E aí vai minha opinião: isto não está explícito, (se alguém souber, por favor compartilhem aqui nos comentários) mas no final das contas, o provável motivo da saída deve ser a queda no volume das vendas em função da crise que atravessamos e me vem à cabeça que a carga de impostos contribui muito para isto, visto que as vendas serão mantidas nos aeroportos.

Agora, pegando o gancho lá do começo do post, essas altas taxas tributárias (que sempre existiram e só aumentam com a crise) que mantem as marcas que a gente ama bem longes do Brasil. De forma prática, sabe aquela indignação que sentimos quando convertemos os preços de Dólar para Real, mesmo agora com o Dólar nas alturas, e os valores convertidos são sempre menores que os preços comercializados oficialmente no Brasil, isso não significa que a marca está te “enfiando a faca”, mas sim que ela está arcando com milhares de impostos que não existem lá fora.

20150321-dinheirama-crise-politica-960x620

Há algum tempo que, no Brasil, vem discriminado na nota fiscal o quanto do valor que pagamos em um determinado produto corresponde a impostos e, acreditem, é muitooooo alto! Reparem nas próximas notinhas que caírem na mão de vocês. Aqui em NY, nem todos os produto são taxados, mas mesmo assim, os que são o imposto é de 8.875%, o segundo mais caro dos EUA. No Brasil, os impostos giram em torno de 30% e muitas vezes sobem até 60%! Não sou economista, não sei ao certo o que isso significa, muito menos o que fazer para mudar, é só uma reflexão.

Apesar de ser apaixonada por maquiagens, sei que não são produtos de necessidade básica, mas isso me faz refletir o seguinte: não vou discutir política, nada disso, mas a situação do país faz com que a carga tributária seja altíssima ou a carga tributária altíssima faz a situação do país ficar assim? Enfim, não estamos falando de Tostines também. De qualquer forma, é uma pena ver que as empresas literalmente estão fugindo do Brasil.

Mas afinal, estamos dando tchau para minha querida bareMinerals, isso tem solução? Quem quiser vai dar um jeitinho para comprar continuar comprando, mas o fato é que imaginem quanto estamos perdendo! É triste pensar que isso é a pontinha do iceberg, a situação acaba nos privando inclusive de produtos muito mais importantes e de necessidade básica como medicamentos, por exemplo. Isso não tem solução. Sim, somos privados!

Muitas vezes me peguei pensando sobre o blog, sobre esse meu gosto por maquiagem e, penso que para muita gente talvez isso seja muito fútil ou mesmo desnecessário, principalmente dada a situação do país, mas e se pensarmos ao contrário? É errado eu querer coisas “fúteis” ou o errado é muita gente não ter o básico? Não quero soar utópica, mas sonho com o dia em que todo mundo vai ter o básico e o que hoje parece ser fútil ou supérfluo vai estar ao alcance de qualquer um, será acessível! Sim, devemos sonhar com coisas legais, querer sempre mais, buscarmos diversão, passatempos, coisas que nos façam felizes…

Comecei o post um pouco pessimista, decepcionada, mas no final, acho que a mensagem que quero passar é que temos que lutar por aquilo que acreditamos, pelos nossos sonhos, pelos nossos direitos, sejam eles termos acesso a uma marca qualquer ou bem de consumo, seja algo muito maior, afinal, há espaço para tudo e para todos! Encerro esse post reflexão parafraseando Titãs, porque, afinal a vida não e só comida e água, ela é comida, água, diversão e arte!!

Comente!
Categorias: CONVERSINHA

Speak Your Mind

*